Translate

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010


Que Faço pra te Esquecer?
J. Norinaldo.

Jamais te perdoarei por esquecer-me,
Por não querer-me eu até já esqueci.
Ah! Como queria poder te esquecer,
Mas como, se lembrando de você,
Na verdade é que consigo perceber...
Que tentando foi de mim que esqueci.

Nas noites tristes ouço o barulho do trem,
Logo me vem aquela tarde em que partistes,
No sabor daquele beijo que me destes,
Abro a janela e vejo o céu tão estrelado,
Olho pra cama não tem ninguém ao meu lado,
Nem imaginas o mal que me fizestes.

Nos sonhos tu estás sempre em meus braços,
Nos mormaços febris dos meus pesadelos,
O que fiz pra merecer tantos sofrimentos?
O que te fez esquecer teus juramentos?
Que nossos sonhos nada iria desfaze-los?
Saístes da minha vida, não dos meus pensamentos.


1 comentário:

Sonia disse...

... somente os sábios e aqueles que tomam da alma os sonhos, são capazes de CONSTRUIR! São, vocês, poetas, tais como os anjos!
Amo suas Poesias! Lindo seu Blog!
Desejo-lhe muito sucesso, e muitos
poemas mais para meu deleite!!!
Beijos em sua alma sensivel!
Soniia (amiga do orkut)